Quer meu livro de graça? Assine minha newsletter e venha conversar comigo!

Além disso, a newsletter é para ser algo mais pessoal, nela vocês podem responder e conversar diretamente comigo. E eu ainda pretendo enviar uma série de textos exclusivos por lá, sendo alguns mais pessoais, alguns capítulos antecipados de livros que serão lançados, assim como alguns e-books gratuitos.

Leia Mais

1

A continuação de E.T. que quase aconteceu e que você não queria ver

em 23 de set de 2015.

E.T. O Extraterrestre é, sem sombra de dúvidas, um dos grandes filmes do cinema americano e mundial. A história emocional entre ele e Elliot encantou o mundo inteiro, deixando-nos, inclusive, com a icônica cena da bicicleta voadora passando em frente à lua.



Após o enorme sucesso de bilheteria do filme (mais de 600 milhões, e isso em 1982), era de se esperar que conversações a respeito de uma continuação acontecessem. Por outro lado, Steven Spielberg, na época, parecia bem avesso a fazer continuação da maioria de seus filmes (como o famoso e clássico Tubarão, de 1975 - que teve suas continuações, todas péssimas, mas não nas mãos de Spielberg). E era de se esperar que o mesmo ocorresse com E.T., afinal, o filme é de fato perfeito por si só, como é. E esta foi exatamente a justificativa dada por Spielberg quando desistiu da continuação, alegando que ela retiraria a "virgindade" do filme original.

No entanto, logo após o lançamento do filme, o diretor falava sim em uma nova história para continuar a saga de Elliot e do pequeno extraterrestre. E falava por isso quase ter acontecido. Junto com Melissa Mathison (que escreveu o primeiro), Spielberg entregou para a Universal um argumento de um segundo filme, que se chamaria E.T. II: Medos Noturnos.



E, devo confessar, a ideia do filme é simplesmente horrível, com um tom sombrio e assustador que em nada lembra a mágica da primeira história. Mas ela nos revela, pelo menos, que o nome de E.T. é Zrek.

Pois bem, o argumento do filme é basicamente esse. Após os eventos da primeira história, de o pai de Elliot ter entregue os papéis da separação e voltado ao Novo México, Elliot vive com a sua família, lutando contra a saudade e o sentimento de solidão após a despedida de E.T., e sua mãe começou a sair com o Dr. Keys (do primeiro filme). A primeira cena traz uma nave caindo na mesma floresta, mas dessa vez com uma raça que está em guerra com a raça extraterrestre que havíamos conhecido, sendo basicamente uma versão albina mutante e carnívora. Eles haviam rastreados os pedidos de socorro de Zrek (E.T.) e vindo à Terra para capturá-lo. Eis uma tradução livre retirada do documento de nove páginas vazado faz alguns anos (vocês podem conferi-lo em inglês aqui):

"Os Aliens a bordo são MALIGNOS. Eles pousaram na Terra em resposta aos sinais de socorro que indicavam sua localização. Esses Aliens procuravam por um extraterrestre de nome Zrek, que enviava mensagens de "AJUDA".

As criaturas malignas são carnívoras. Seu líder, Korel, ordena que sua tripulação se disperse pela floresta para adquirir comida. Assim que o grupo de aliens sai da prancha de desembarque, eles emitem um som hipnótico que tem um efeito paralisante na vida selvagem circundante. Essas criatura são uma versão albina (mutação) da civilização a qual E.T. pertence. Os dois grupos distintos estão em guerra faz anos!"

Como podem notar, a ideia toda parece sombria e horrível, nada condizente com o clima mágico, emocionante e reconfortante do primeiro filme. Mas ainda piora.

Elliot percebe, com seu comunicador, a presença de uma nova nave na floresta e, por isso, vai para lá com seus amigos na esperança de rever E.T.

Ele e seus amigos, porém, são capturados e torturados ao longo de todo o filme, até que, no final, Zrek aparece (atendendo aos gritos de E.T. dados por Elliot quando de sua tortura), livra-se dos aliens albinos mutantes e liberta os meninos para, então, ir embora por mais uma vez.

Enfim, é claro que era apenas um esboço inicial, que ainda seria trabalhado e melhorado, mas garanto que todos nós estamos muito felizes que ele NÃO tenha se transformado em filme.

Veio pelo Twitter no celular? Clique aqui para comentar

1 Comentários:

Postar um comentário

Participe você também. Sinta-se convidado a postar as suas opiniões. Com a sua ajuda, o blog se tornará ainda melhor!

 
Copyright© 2010 Na Ponta dos Lápis
Apoio: Literatura Fantástica
Tema original "Solitude" Modificado por Mundo Blogger